Banda Larga, governo acena com maior participação dos pequenos provedores


O site Convergência Digital em materia publicada em 05/02/2001 com o título Banda Larga: Uso social da rede será argumento para regulação de mercado, autoria de Luiz Queiroz, traz uma série de informações importantes para os pequenos provedores de internet desse Brasil a fora.

Em resumo:

– A possibilidade de aplicar o instrumento do uso social na rede pública, até como instrumento para regular os preços no mercado.

– O governo não abre mão de utilizar a rede publica de banda larga como instrumento de regulação de preços do mercado de links para provedores.

– O argumento do uso social da rede pública permitirá que os pequenos provedores possam adquirir gratutitamente os links para distribuição do sinal de acesso à Internet junto ao backbone federal. (não se animem, vão existir contrapartidas).

O texto deixa claro que está ciente dos problemas de preço de link, dificuldade de acesso nas regiões remotas e que existe um lobby forte das operadoras junto ao Minicom e Anatel.

Pode significar uma oportunidade, vale a pena ler a matéria na íntegra. Infelizmente não permite comentários, por sorte essa mesma matéria foi replicada no site:

Banda Larga: pequenos provedores alternativos às teles e internet grátis para comunidades carentes

Tanto lá, como aqui, podem comentar a vontade. :-)

Comente